segunda-feira, 18 de julho de 2011

Feliz atendimento

Tem uma coisa a qual dou muita importância: bom atendimento. Seja onde for. Em uma loja de grife, no bar ou no ônibus do dia a dia. Entendo que existem mal dias, mas quem trabalha com o público tem que fazer uma forcinha para deixar todos à vontade e satisfeitos.

E o que me encanta são aquelas pessoas que cativam e fazem um atendimento belo naturalmente. Parece que nasceram com o dom de entreter as pessoas. No último Festival de Gastronomia de Tiradentes, havia uma mocinha com um sorriso maravilhoso, que mesmo após 12 h atendendo as movimentadas mesas, mantinha a alegria em atender. Chamou minha atenção.

E numa recente visita ao Mar Mineiro, em Macacos, fiquei encantada com a animação contagiante do garçom Carlim. Ele dá conta de interagir com todas as mesas, bate-papo e diverte todos com sua risada. Até eu entrei na onda e fui comtemplada com uma dança ao som de Andanças.

Bons exemplos, passe à diante.

Um comentário:

Suryam disse...

Concordo, Mari!
É a famosa frase de deixar os problemas em casa (todos temos, ne?!)
Nada como chegar a qualquer lugar e ser bem recebido!
Beijos!