quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Wäls e Bohemia


O mundo cervejeiro sacudiu nessa terça-feira, dia 10 de fevereiro. Isso porque a cervejaria Wäls anunciou sua união à Ambev, por meio da Cervejaria Bohemia, de Petrópolis. Comandada pelos irmãos Tiago e José Felipe Carneiro, a Wäls tem uma linda história de família, que há 15 anos tem surpreendido o público com suas cervejas especiais.

Uma característica que sempre me chamou atenção na produção da Wäls é o cuidado que eles tem com tudo: a qualidade exemplar de suas cervejas; a receptividade na fábrica – transformada recentemente em Tasting Room; a preocupação em se posicionar no mercado; e, principalmente, o respeito pela história da cerveja artesanal. Sendo assim, não consigo pensar mal dessa nova fase da cervejaria.

Claro que muitas pessoas já começaram a bombardear a nova sociedade com a possibilidade da Ambev prejudicar a qualidade das cervejas artesanais. Esse risco existe sim. Mas, felizmente, existe também o risco da parceria ser um sucesso, facilitando o acesso da cervejaria a ingredientes, logística e novos mercados, assim como contribuir para o consumidor ter mais acesso às artesanais.

Conhecendo o histórico e comprometimento da Wäls, posso apostar que essa parceria só irá acrescentar à marca. Espero, pelo menos, que possa achar as cervas deles com mais facilidade em Juiz de Fora.

Nenhum comentário: