quinta-feira, 17 de setembro de 2015

O primeiro pão


Outro dia contei aqui da caçula na cozinha, se entregando a esse novo mundo. Hoje venho falar de outra irmã, Lívia, que fez o seu primeiro pão. Preciso dizer que fazer pão, para mim, é uma coisa mágica. Você prepara a massa, sente ela em suas mãos, sova com todo carinho e depois experimenta uma sensação única: degustar aquilo que as próprias mãos fizeram. E ver essa experiência acontecendo com alguém tão próximo é ainda mais especial.

A receita escolhida foi um tradicional pão da nossa avó, com recheio de frango e legumes. Passei as instruções à tarde e quando a noite chegou começamos uma verdadeira conferência via telefone para acompanhar o passo a passo. Massa pronta, massa crescida e massa assada. O resultado foi magnífico, tanto pelo pão quanto pela alegria dela – e minha - em fazer o primeiro pão.

Só para constar, somos quatro irmãs e agora só falta a primogênita aparecer no blog. Mas, vou logo avisando, ela é a única que faz o frango com quiabo igual da nossa mãe, ou seja, uma cozinheira de mão cheia.

Um comentário:

Spezia Temperos disse...

Tudo que é feito com amor é muito mais gostoso :)